10 – ELETRONISTAGMOGRAFIA

Objetivo: analisar de forma minuciosa os sistemas envolvidos na manutenção do equilíbrio corporal, labirinto e suas inter-relações com tronco encefálico e cerebelo e sistema vestíbulo-ocular (olhos e suas inter-relações com SNC) auxiliando na identificação de possíveis alterações do sistema vestibular.

Faixa etária: crianças, jovens e adultos.

Tempo de execução: 45 minutos

Procedimento: eletrodos de superfície são colocados na região periorbitária da face do paciente, conectados a um computador, que analisará os sinais originados de movimentos oculares voluntários e involuntários (nistagmos). Os pacientes são submetidos às provas oculomotoras (seguir estímulos luminosos apresentados numa barra de led) e, na seqüência, às provas vestibulares (prova rotatória pendular decrescente (PRPD) em que o paciente é submetido a uma rotação com movimento periódico de amplitude decrescente, em diferentes posições da cabeça (30º para frente e 60° para trás, lateralizada para direita e esquerda a 45°); e prova calórica (PC), no qual cada labirinto é submetido separadamente a estimulações térmicas fria e/ou quente à 18ºC e 42ºC, tempo de 80 segundos, em posição supina, com a cabeça elevada 30º.

Colocação dos eletrodos para registro  do exame

Registro de respostas frente a estimulação com ar na prova calórica.